segunda-feira, 15 de agosto de 2011

No Japão tem "serviço militar" já no primeiro grau!?


  Ao caro leitor

  Eu já pedi a explicação sobre o serviço militar aos vários brasileiros.

  No entanto, ninguém me explicou direitinho.

  Pela explicação que eu recebi, estudante ou pessoa com deficiência física fica isento dos serviços militares.

  Porém, parece que há muitos jovens que não se servem no exército apesar de não ser estudante nem pessoa com deficiência física.

  No final, o serviço militar é obrigatório ou facultativo no Brasil????

  Vamos ver como é que é o serviço militar no Japão.
 
  No Japão, o serviço militar não é obrigatório.

  Quem quer se servir para o país se candidata como soldado e entra no exército.

  No entanto, como muitos jovens não querem pegar trabalhos duros e perigosos, ninguém quer entrar no exército hoje em dia.

  Por isso mesmo, os recrutadores do exército passam pelos parques durante dia, com o objetivo de achar jovens desempregados e recrutam eles como soldados propondo salário bonzinho....

  Não sei se esse procedimento é verdade. Porém, é um rumor que a gente ouve bastante a respeito.

  Infelizmente a imagem da profissão “soldados” não é boa para povo japonês.

  Entretanto, os trabalhos deles são importantíssimos e indispensáveis

  Além de defender o país contra ataque dos inimigos, eles atendem os povos no caso de emergência.

  Após os terremotos e tsunami no dia 11 de março, o exército japonês tem contribuído bastante tanto para salvar vítimas quanto para ajudar as reconstruções das cidades atingidas.

  Para quem não conhece sobre o assunto, vou informar que a constituição japonesa proíbe o país possuir exército. Portanto, o exército japonês chama-se Forças de Autodefesa do Japão ( Jieitai ). Isso quer dizer que o exército serve só para defender o país e nunca poderá atacar outros países a não ser que mude a constituição japonesa....

  O povo japonês está achando que os jovens de hoje em dia estão ficando cada vez mais fracos tanto fisicamente quanto mentalmente, devido à vida bem conveniente e alimentação abundante, após 65 anos do fim da derrota na segunda guerra mundial.....

  Os indícios, com quais apontam esta tendência dos jovens, são seguintes.

  • Muitos jovens deixam empresas em menos de 3 anos de permanência.
  • Muitos jovens se suicidam quando enfrentarem problemas pequenos.
  • Muitos jovens se tornam Hikikomori deixando de trabalhar por problema de relacionamento.

  Para solucionar esses problemas, há até opinião de que deixar o serviço militar obrigatório com o objetivo de formar os jovens com mentalidade mais forte....

  É um método radical e nem sabe se isso funciona.

  Entretanto, talvez o serviço militar ajude os jovens a viverem com determinações.

  Para falar a verdade, há serviço militar ou algo parecido já no primeiro grau no Japão. Só que nem os japoneses percebem isso.

  Trata-se de gincana esportiva ( “Undoukai “em japonês ).

  Já ouviu falar????

  Este evento esportivo costuma ser realizado em outubro em todas as escolas no Japão. Pelo vocabulário, parecia uma coisa divertida para alunos. Contudo, não é bem assim.

  Os alunos precisavam treinar desfile todos os dias durante 1 mês sob o sol brilhando. Quando um aluno não andava direito no desfile, professor chutava a bunda do aluno de atrás, o que poderá resultar na demissão do professor hoje em dia.

  Os professores nos treinavam para que nossos pais admirem nosso desfile no dia da gincana esportiva. Contudo, será que precisavam cobrar tanto dos alunos???

  Se você comparar a foto do desfile do aluno e a do militar, vai notar a semelhança entre os dois.


  Olha outro foto embaixo.


  Este exercício formado pelos alunos masculinos chama-se Kumitaisou. O nome de um dos Kumitaisou mostrado na foto em baixo chama-se “pirâmide”.

  Nós aprendemos a importância da cooperação e a dedicação através de treino, aproveitando gincana esportiva. Aliás, nós ficamos bem disciplinados. Eu agradeceria por isso, mas....

  Agora deu para entender porque os japoneses em geral têm disciplinas.

  Nós começamos a prestar “serviço militar” desde o  primeiro grau.....

  ;)

Comentários
8 Comentários

8 comentários:

Liziane Zimmer disse...

Konichiwa Takeuchi san!

O serviço militar no Brasil é obrigatório a partir dos 18 anos. Com 18 anos todos os jovens devem se apresentar na junta militar mais próxima da sua cidade (escolhendo entre exército, marinha ou aeronáutica). Ele será submetido a exames médicos e se for apto para o seviço militar ele deverá prestar serviço durante pelo menos um ano. A partir daí, seguir a carreira militar é uma opção.
Sabe eu acho a carreira militar muito bonita e se pudesse teria me aistado(as mulheres também podem servir, porém não é obrigatório). Eu acho que a função do militar atualmente, não é guerrear, mas proteger e ajudar, da mesma forma que o Brasil faz atualmente no Haiti, e fez anteriormente no Timor Leste. Esse é o trabalho mais digno que um militar pode exercer.

Anônimo disse...

Complementando a resposta anterior...
Todos os jovens, aos 18 anos, que comprovarem o ingresso na universidade, nos cursos de medicina, farmácia, odontologia e veterinária, não serão submetidos ao serviço militar obrigatório (a não ser que queiram) com 18 anos. Se eu não me engano, eles poderão ser submetidos ao serviço militar enquanto fazem sua graduação ou logo após feita a sua graduação, e poderão desempenhar atribuições relativas as suas graduações.
É bom eu deixar claro que, nem todos os jovens com 18 anos farão o serviço militar. O número dos alistados é de acordo com a necessidade do Estado naquele momento. Hoje em dia, como o Brasil não está em guerra por exemplo, não existe a necessidade de chamarem muitos jovens, por isso muitos estudantes, ou não estudantes, saem livre do serviço militar. Apesar de existir uma preferência de chamarem os não estudantes.
Lembrando que na maioria das juntas militares, existem muito mais pessoas que querem servir do que as vagas disponíveis. Não obstante, sempre existem casos de jovens que tiveram que servir, mesmo não querendo (isso é a exceção, a minoria).

yukipoa disse...

Obrigado pelo comentário.
Pelo jeito,os jovens brasileiro prestam serviços militares mais para ganhar dinheiro,ne?
Quer dizer,esta tendência é mundial....
Talvez sempre foi assim ao longo da história humana..
:(

Viaje no Marketing disse...

Fiz muito kumitaiso quando era moleque. Inclusive presenciei uma cena parecida com a descrita acima, do chute nu bunda. Isso foi nos meus primeiros dias de estudando. Bem tenso...
Apesar disso, hoje tem bastante disciplina.

R. Carvalho disse...

Muito que não querem servir e estudam são chamdados, comigo foi assim. Não a nada de bonito em servir o exército. é praticamente um trabalho escravo

Nada como um dia apos outro dia disse...

o post já e um pouco antigo, mais vou completar as respostas, o serviço militar no brasil so e obrigatório para homens, apesar de ter mulheres em suas fileiras, elas não tem obrigatoriedade, e devido ao reduzido numero de vagas, o jovem que não quiser se alistar no exercito, e queira se alistar na aeronáutica, ou marinha, tem que fazer uma prova, uma especie de concurso. O ponto e exatamente esse, numero reduzido de vagas anuais, então qualquer coisa vira desculpa para vc ser dispensado, eu mesmo pedi para ser dispensado com a desculpa que necessitava do trabalho que exercia para sustentar minha família, nem fui contestado nisso, fui dispensado na hora. Agora em questão de jovens servirem por dinheiro, isso e errado, pq com os descontos, um recruta nunca consegue pegar seu salario na integra, ou seja de 540 reais por direito,acaba sendo pago cerca da metade, por isso a grande fuga das forças armadas no brasil.

roseanjos disse...

O problema aqui no Brasil é que os meninos não são criados para se cuidarem sozinhos. Não cuidam de suas roupas, não lavam a sua louça... são dependentes de suas mães e fazem o que querem na hora que sentem vontade.
Quando são recrutados, devem fazer vários serviços, para eles e para os outros, devem aprender a disciplina e hierarquia. Daí a grande revolta e achar que é trabalho escravo.
Pode-se se constatar que a grande maioria que reclama do serviço militar é da classe alta e média-alta.

Dokidoki disse...

E os jovens que já morreram em "treinamentos"? É bem comum.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Web Analytics