domingo, 28 de outubro de 2012

Japonês engorda cada vez mais,enquanto japonesa emagrece!?

  Ao caro leitor

  Você já fez dieta na sua vida?

  Sim!?

  Eu também.Porque eu engordei 13,14 quilogramas em 14 anos, desde que eu cheguei no Brasil.

  Hoje eu gostaria de apresentar sobre a situação da obedesidade dos japoneses.


  Ao imaginar japnês na sua cabeça,você deve imaginar pessoa magra, além de caracterítstica física como olhos puxados.

  Pois bem.

  Como você vai notar na seguinte figura, japonês é povo que tem o menor número do IMC ( Índice de Massa Corporal ), que é uma medida internanional usada para calcular se uma pessoa está no peso ideal .

  
  Segue a equação para cálculo do IMC.

  IMC = Peso (KG) ÷ { Altura (m) × Altura (m) }

  Eu vou lhe dar um exemplo.

  Caso uma pessoa tenha 1.61 metro de altura e 62 quilogramas de peso, IMC dessa pessoa será de 23.9.

  IMC = 62 ÷ { 1.61 × 1.61 } = 23.9 kg/.

  Segue a tabela que indica o grau de obesidade do indivíduo.
 
IMC
Classificação
< 18.5
Abaixo do Peso
18.6 – 24.9
Saudável
25.0 – 29.9
Sobrepeso
30.0 – 34.9
Obesidade Grau 1
35.0 – 39.9
Obesidade Grau 2(severa)
40.0
Obesidade Grau 3(mórbida)

  A primeira figura no início deste post mostra quantos percentagem das pessoas têm o índice de IMC superior a 30.0.

  Sob este critério, o índice dos japoneses é de 3.5 enquanto o dos americanos é de 35.9. Isso quer dizer que os Estados Unidos têm 10 vezes mais pessoas obesas do que o Japão.

  Como eu fui aos Estados Unidos algumas vezes há mais de 20 anos, eu não sei como é que a situação está agora. No entanto, eu tenho impressão de que tem muito mais pessoas gordas nos Estados Unidos do que no Japão e isso deve ser um fato inegável.

  Aliás,difícilmente você encontra japonês obeso no Japão.E quando achar pessoa obesa, a gente suspeita que ele é 力士 ( lutador de sumo )

  Só que nem japonês não consegue escapar da tendência mundial da obesidade.

  Segue a tabela na qual mostra percentagem das pessoas de cada país que têm IMC superior a 25.


           País
IMC 30.0
IMC 25.0
1
Estados Unidos
33.8%
68.0%
2
México
30.0%
65.1%
3
Chile
25.1%
64.5%
4
Nova Zelândia
26.5%
62.6%
5
Inglaterra
23.0%
61.3%
6
Austrália
24.6%
61.2%
7
Irlanda
23.0%
61.0%




34
Japão
3.9%
25.1%
                                                                 (Fonte : OCDE 2012)

  Ao comparar com as situações nos outros países europeus, os números dos japoneses que têm IMC superior ao 25 são relativamente baixas : 25 %.

  No entanto, a seguinte figura comprova problema peculiar em relação à obedesidade.


  Quanto ao homem, o número de pessoa que registrou IMC superior a 25 aumentou em todas as faixas etárias.Por outro lado,quanto à mulher, pelo contrário, o índice diminuiu em maioria das faixas etárias exceto mulheres que têm mais de 60 anos de idade.

  Eu não sabia este fato até que eu pesquisar ao respeito para tratá-lo neste post.Contudo, deu para entender porquê baseado na minha própia experiência.

  Quando eu morava no Japão, eu me encontrava com inúmeras japonesas magras falando sobre suas necessidades de dieta para emagrecerem ainda mais.


  Nas ocasiões, eu estranhava muito, já que eu não via nenhuma necessidade de dieta nelas.

  Pelo jeito, como elas assistem só modelos ocidentais bem magras desfilandos nas apresentações de lançamentos das roupas nas cidades europeus tais como Milan e París, elas acham que aquelas são padrões universais da beleza.

  Por isso mesmo, elas procuram ser cada vez mais magras de maneira exagerada.

  Aí eu penso. Cadê carne para agarrar? Eu não quero abraçar esqueletos!!

  Bom. Voltando ao assunto inicial, apesar de ter uma tendência contrária em relação às japonesas novas, em geral, os japoneses também estão engordando cada vez mais.

  O pior é que eu sou  bom exemplo disso!! Porque IMC deu 26, que é classificado como sobrepeso. 

  Quando uma pessoa engorda, isso pode provocar diversas doenças, o que resultará em aumento do custo para saúde e vai apertar ainda mais orçamento do governo.

  Para evitar isso, o governo japonês divulgou um novo termo メタボリックシンドローム ( Síndrome metabólica ) que a designação atribuída a um conjunto de factores de risco ou valores analíticos que condicionam um grande aumento do risco de desenvolver doenças cardiovasculares e/ou Diabetes mellitus tipo II.


  Aliás, o governo obrigou um exame específico para quem tem idade entre 40 e 74 e pretende dar multa para quem não conseguiu melhorar sua saúde em 5 anos.Que rigoroso,ne!?

  No entanto, não tem jeito.Se não colocar isso na prática, o Japão pode quebrar que nem Grécia.

  Por falar em dieta, o que vem na nossa cabeça em primeiro lugar é o método tradicional no qual limita a soma de calorias das alimentações que nós comemos por dia,ne?


  Sim.Se alimentarmos menos calorias do que carolias que gastamos através de exercício,nós emagrecemos matematicamente, o que é óbvio.

  Só que não é fácil praticar isso, já que nós não podemos comer as coisas gostosas e tem muitos casos em que as pessoas diabéticas não conseguem diminuir a quantidade de açucar no sangue desta maneira.

  Nessa altura, outro método novo está chamando atenções das pessoas que se necessitam de dieta.

  É o método no qual controla a quantidade de 糖質 : TOSHITSU (carboidrato exceto fibra diética) nas alimentações em vez de controlar carolias.Ou seja, em princípio, quem faz dieta deste método corta alimentações tais como arroz, massa e pão que contêm bastante TOSHITSU.

  No entanto, as pessoas podem comer outras alimentações tais como carne e legumes à vontade sem se preocupar com carolias. 


  Segundo depoimentos da reportagem que eu vi, as pessoas que experimentaram este método comentavam suas satisfações sobre suas refeições, justificando que podiam comer diversos tipos de comidas.

  E dizem que este método funciona bem principalmente para pessoas que têm diabetes, pois o índice de açucar no sangue vai despencar em pouco tempo.

  Só como um test, eu deixei de comer arroz durante um dia. Aí eu senti muito fome e não conseguí aguentar.Como TOSHITSU é uma substância que nos deixa satisfeita durante mais tempo, não me deu satisfação total na refeição sem comer arroz que contem bastante TOSHITSU .

  Além disso, o TOSHITSU é que faz nosso cérebro funcionar diretinho. Portanto, eu fiquei até bastante irritado sem comer arroz, o que é a comida indispensável para japonês.

  Para você ter uma idéia sobre quantidade do TOSHITSU nas alimentações, eu fiz uma tabela a seguir, na qual mostra quantos gramas de TOSHITSU têm por 100 gramas em alimentações.

Alimentação
Quantidade
arroz
38.2 g
pão
44.4 g
massa de miojo
61.0 g
espaguete
69.5 g
peixe
0.1-0.7 g
carne
0.1-0.7 g
ovo
0.3 g
leite
4.8 g
ketchup
25.6 g
cenoura
6.4 g

  Deu para entender que tipo de alimentações você pode comer ao fazer dieta deste método?

  Na verdade, a associação japonesa de diabete ainda não admitiu este método para tratamento dos pacientes diabéticos por falta de provas científicas e possibilidades de efeitos colaterais.

  Portanto, eu não posso te recomendar este método garantindo o resultado e a segurança.Entretanto, para quem não consegiu resultado de outros jeitos, talvez valha a pena tentar a dieta desta maneira, sob a orientação do médico,ne?.

  Vamos ter corpo saudável não pensando só no peso,ne!?

  ;)

Comentários
13 Comentários

13 comentários:

Iruka disse...

Acredito que a tendência é que mais japoneses engordem, pois o saudável café-da-manhã a base de arroz,sopa e peixe está sendo substituído por pães.
Desta última vez que estive no Japão geralmente ia ao supermercado comprar okazu e 80% era fritura (karage,tempurá,yakitori,crokê,ebi fry....)E as saladas tinham molho muito gordurosos com maionese.
Já fui magra no passado, hoje tenho que me controlar para não ficar na faixa do sobrepeso.

Lux disse...

Aí eu penso. Cadê carne para agarrar? Eu não quero abraçar esqueletos!!

Hahahahahahaha... é isso ai, penso a mesma coisa, mas me responde uma coisa Sr.Yuki, pessoas gordinhas ou acima do peso (não me refiro a obesidade mórbida) tem muita dificuldade para arrumar namorada(o) no Japão? Acho que em qualquer lugar do mundo o gordo sempre sofre mais para arrumar namorada, mas uma vez ouvi dizer que lá no Japão é quase impossível conseguir namorada pois os japoneses valorizam muito a estética, isso procede?

yukipoa disse...

Obrigado pelo comentário.
Hoje em dia,pelo jeito,todos os japoneses têm dificuldade em arrumar namorada ou namorado no Japão.
Mas, quando comparar japonês gordo à japonesa gorda, quem sofre mais deve ser japonesa gorda,já que é minoria.
Elas acabam se destacando por serem diferentes.
;)

Cromagnon disse...

Essa dieta a base de proteínas é uma indicação que vem crescendo em vários países, vi em uma matéria que na suécia é bem popular esse tipo de alimentação priorizando gorduras boas e proteínas e cortando carboidratos.

Essa irritação que você citou passa depois de 1 ou 2 semanas comendo dessa forma e a fome em decorrência da falta de carboidratos também acaba, da pra se satisfazer mais comendo menos dessa forma.

Alguns nomes diferentes pra dietas semelhantes são LCHF (Low carb high fat) e Paleo diet.
Abraços

Anônimo disse...

gosto de coca cola e big mac

Anônimo disse...

Olá,Aqui no Japão não está nada raro encontrar gordinhos,muitas mulheres tbm(estudantes),
O que acho muito feio por parte dos Japoneses,é fazer Bulling com essas pessoas,As crianças aprendem com os adultos.
Já escutei um caso,que os pais(gordinhos)foram buscar os filhos na escola,e as crianças rindo e chamando de "bola,gordo" e o pior é que as pessoas vao procurar os professores,e eles riem mais ainda,falando algo (não é que parece uma bola mesmo?)
Os Japoneses tem que se conscientizar que os obesos nem sempre são gordos porque querem,as vezes teve doenças ..essas coisas,
Na TV japonesa só mostra Americanos gordos comendo até não caber mais na boca,e acham graça.
E isso é coisa séria!

Anônimo disse...

Outra coisa. Todos q eu conheço e q foram p/ o Japão trabalhar voltaram mais magro, mas acho q não foi pela alimentação e sim pela jornada de trabalho hora extra. Mtos vivem de lámen instantâneo p/ economizar.

Anônimo disse...

Sou dekasegui aqui no JP ta muito americanizado e europeunizado,o mundo todo ta inclusive o BR,quem tem dinheiro manda e quem nao tem obedece.Ingles,dolar e euro,microsoft,etc.......

Roberta C disse...

Olá profº Yuki. Acabei de conhecer seu blog e estou gostando muito. Meu marido ganhou uma bolsa de mestrado em Osaka e talvez ano que vem nós iremos para lá, então estamos (já faz um tempo) nos informando muito sobre a cultura japonesa e como devemos nos comportar por lá, inclusive ele estuda japonês na UFRGS há 2 anos e me ensina um pouco! Estou gostando muito e realmente animada apesar de sentir medo de ir para lá. Adorei seu blog e vou ler as postagens antigas com calma! Obrigada

yukipoa disse...

Obrigado pelo comentário,Roberta.
Que bom que ganhou a bolsa de estudo no Japão.
Aproveite bastante!
;)

Tassio Bruno F. S. disse...

"Aí eu penso. Cadê carne para agarrar? Eu não quero abraçar esqueletos!!" com essa eu ri demaaais. coitadinhas elas tem q comer um pouquinho mais, assim nao dá, rsrs

Ooootimo texto, alias como sempre. seu blog é um dos melhores q acompanho! Abraços

Tayzun Yamato disse...

Gordo, no peso, magro. Não queria optar por nenhum dos 3 sim por muita massa muscular.

Felipe garcez disse...

Eu como muito, salgadinhos, hambúrguer, pizza quase todo dia, mas não engordo de jeito nem um, que bom pra mim, também não sou magro esquelético! KKKKKKK

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Web Analytics