quarta-feira, 16 de outubro de 2013

As japonesas de Osaka não gostam muito dos japoneses de Tóquio!?


  Ao caro leitor

  Você sabia que as japonesas de Osaka não gostam muito dos japoneses de Tóquio?

  Sabe porquê?

  Por que a língua japonesa falada por japoneses de Tóquio parece bem feminina do ponto de vista das japonesas de Osaka.

  Hoje eu gostaria de tratar sobre dialetos no Japão novamente.


  O padrão japonês, que se chama de Hyojyungo ( 標準語 ), é baseado no “Dialeto de Tóquio” praticamente,apesar de que não é 100 % igual.

  Japonês que você está aprendendo é este padrão japonês de Tóquio.Ou seja,você pode comunicar com qualquer japonês de qualquer região por meio de Hyojungo que aprendeu na escola, já que a grande maioria dos japoneses sabe falar duas línguas : padrão japonês e dialeto da sua região.

  Quem mora em Osaka vive falando em dialeto de Osaka ( 大阪弁 ) entre eles no dia a dia.Só que quando eles precisam falar com clientes da outra região na ocasião mais formal, eles falam em Hyojungo tanto para simpatizar clientes quanto para facilitar a comunicação.


  Há casos em que as crianças de Tóquio precisam se mudar para Osaka por causa da transferência dos seus pais e vice versa.

  Normalmente quando as crianças de Osaka se mudam para Tóquio, eles continuam usando dialeto de Osaka na escola em Tóquio e eles até podem se tornar populares nas classes por causa do dialeto, que é utilizado pelos comediante no programa de TV.

  Pelo contrário, quando as crianças de Tóquio se mudam para Osaka, se eles continuam a falar em dialeto de Tóquio na escola, dizem que eles podem sofrer bullying por razão de que eles estão se achando.Para acabar com isso, as crianças de Tóquio são obrigados a aprender a falar dialeto de Osaka.

  Infelizmente as crianças são muito mais crueis do que adultos e têm habitos de exculuir as pessoas diferentes do seus ambientes.Portanto,apesar de que isso não acontece em todas as escolas, pode se dizer que há pelo menos uma tendência assim no Japão.

  Um dos meus amigos da turma da sexta série se mudou para Hakata aos 12 anos.Nós fizemos uma festa de despedida para ele. Três anos depois, ele nos visitou para dar um oi.Aí nós ficamos surpreendidos com uma mudança nele.

  Sim.Ele falava tudo em dialeto de Hakata!!.


  O que se destaca no dialeto de Hakata ( 博多弁 ) é uma palavra “Batten”  que significa “Mas” em português.Bah!! Quantas vezes ele proferiu a palavra “Batten” numa conversa.

  Como nós achavamos isso muito engraçado, a gente também proferia “Batten” muitas vezes pegando o pé dele.O meu amigo tentou não dizer isso no diálogo.Contudo, ele acabou dizendo isso sem querer.Ele não tinha como controlar isso.

  Eu acredito que ele não aprendeu dialeto de Hakata forçado.A convivência com as pessoas de Hakata durante 3 anos fez com que ele falasse dialeto naturalmente.De qualquer forma, era uma coisa incrível para mim.

  Voltando ao tópico inicial, eu vou lhe explicar sobre a impressão por japonesas de Osaka em relação aos japoneses de Tóquio.

  Pelo jeito, realmente muitas japonesas de Osaka acham os japoneses de Tóquio bem femininos por causa do dialeto de Tóquio. Dizem que as mulheres de Osaka gostam de homens bem fortes e machos, diferente das mulheres de Tóquio que gostam de homens educados e gentis.


  Quando eu me encontro com uma mulher de Osaka, eu fico até encantado com ela que fala dialeto de Osaka, pois eu acho isso um charme que eu não costumo ver na vida cotidiana.No entanto, muitas vezes as mulheres de Osaka falam em dialeto de Tóquio quando falar com os homens de Tóquio, principalmente na ocasião formal.

  Por falar em impressão aos dialetos, como Yakuza costuma usar dialeto de Osaka ou de Hiroshima, a impressão por japoneses em geral em relação aos dois dialetos citados não é muito boa.

  Claro que há KEIGO ( modo respeitoso e modo humilde ) para esses dois dialetos.Portanto, a impressão do dialeto aos ouvintes depende muito de como os falantes falam.Mesmo assim, o jeito grosseiro em dois dialetos citados parece muito mais assustador do que o jeito grosseiro em Hyojyungo.É melhor saber disso.

  Por último, eu vou lhe apresentar um aplicativo, através do qual você pode traduzir um japonês padrão para outros dialetos.


  Basta seguir os seguintes procedimento.
  1.   Colocar uma frase em japonês na caixa grande e inferior.
  2.   Escolher um dialeto ou um modo preferido entre as opções.
  3.   Apertar a botão 変換 ( Traduzir ) logo em baixo da caixa grande.
  4.   Aparecer a tradução na caixa à direita.
  As opções interessantes que eu achei são seguintes.

  Dialeto de Okinawa, Hakata, Miyazaki,Osaka,Kyoto,Tsugaru.
  Modo de fala do Gay, Samurai.

  Eu vou lhe dar um exemplo na tabela a seguir.

Dialeto
Tradução
Tóquio
Watahi wa Nihongo ga Sukidesu(私は日本語が好きです)
Osaka
Wai wa Nihongo ga Sukiyanen(わいは日本語が好きやねん)
Kyoto
Uchi wa Yamatokotoba ga Sukidosu(うちは大和言葉が好きどす)
Hakata
Uchi wa Utirankotoba no Suitooyo 
(うちはうちらん言葉すぃとぉーよ)
Samurai
Sessya wa Hinomotogo Suiteorimasu 
(拙者はひのもと語好いております)
Gay
Atashi wa Nihongo ga Sukinano(私は日本語が好きなの)

  Deu para notar que a frase muda bastante conforme dialeto ou modo de fala?

  Japonês é assim.Português jamais mudaria tanto assim,ne?

  Contudo, não se assuste com isso.Para você conseguir se comunicar com todos os japoneses, basta aprender apenas japonês padrão.

  E aí? Você gosta de português do paulistano,carioca,baiano ou do gaúcho por acaso?

  ;)

Comentários
18 Comentários

18 comentários:

FernandoSC disse...

Muito interessante a postagem.
Mas não se engane, o português também difere bastante. Dependendo do caso, pode ser bem difícil dois brasileiros se entenderem, mesmo quando ambos são do mesmo estado da federação.
Exemplo: Dois catarinenses. Um do interior, que vive em uma comunidade de origem eminentemente italiana, com um sotaque carregadíssimo, falando com um catarinense da capital, que fala um dialeto bem "manezinho". Em certas ocasiões ambos podem não se entender muito bem...
Isso sem contar brasileiros conversando com portugueses, angolanos, chineses de Macau, entre outros...
Mas é interessante saber que o Japão, mesmo sendo um país pequeno, possui um regionalismo bem acentuado.
:)

yukipoa disse...

Obrigado pelo comentário.
O que muda em português conforme a região no Brasil é apenas a pronúncia e poucos vocabulários.
Pode se dizer que não há dialeto no Brasil.
Por exemplo, o verbo "ser" ou "estar" mudam dependendo da região??
;)

Bira Bull disse...

Que noticia excelente, eu ja estava preocoupado que não conseguiria arrumar uma namorada no japão pois estou longe de ser do tipo afeminado que faz sucesso no japão hoje em dia.. eu vou é para Osaka!! rsrsrs

Anônimo disse...

Realmente não há dialetos no Brasil, o máximo que você encontra são sotaques diferentes, mas em Portugal você consegue encontrar dialetos, um exemplo é o Galego.

Anônimo disse...

No Brasil tem sim dialeto.É só você visitar Salvador.kkkkkkkk
Dicionário baianês:

Bó batê o baba= Chamar os amigos para uma partida de futebol

Colé, meu bródi!= Olá, amigo.

Colé, misera!= Olá, amigo.

Tô em água!= Estou bêbado.

Colé, men!= Olá, amigo.

Diga aê, disgraça!= Olá, amigo.

Digái, negão!= Olá, amigo. (independente da cor do amigo)

E aí, viado!= Olá, amigo. (independente da opção sexual do amigo)

E aê, meu rei!?= Olá amigo.

Anônimo disse...

O Japão é tão pequeno mas se você andar 1 hora de carro já muda de dialeto e o tipo de comida da região.

Aqui no Brasil é mais o sotaque e gírias, carioca fala: "ixcola", "Vaixxco da Gama", goxtosa; no sul fala meio cantado, meio que parece que está perguntando mesmo afirmando e o clássico "tu", "guria" e "piá"; no nordeste fala "Pééérnambuco" usa o "ôxe", "axé" e "meu rei".

Eu sou paulista, não sei como que eu falo, mas quando vou para outro estado as pessoas reparam mais nas gírias.

Ahh e a comida também muda né, exemplo a comida baiana é mais apimentado e mineira é mais salgado.

Domo arigato Mr ROBOTO disse...

Bastante interessante mesmo.

Impressão q dá lendo seu texto é q o pessoal de Osaka é mais caipira e nao aceita "novidade"

Ja pessoal de Tokyo é mais moderno e tem cabeça mais aberta

T+

Ricardo T. K. disse...

morei em Tokio e em Osaka, achei o pessoal de Osaka mais legal que o pessoal de Tokio, Okini!

Renato disse...

Na verdade o portunhol, linguá falada por aqueles que habitam as regiões fronteiriças entre Brasil e latinos hispânicos,é quase considerada como dialeto.

Ceres disse...

rsrs, bom, é legal saber que tambem tem diferenças lingisticas no japao, aqui é mais sotaque, por exemplo, pega um gaucho e um bahiano... meu deus deve dar horas para se ententerem, eu como me mudei de uma cidade para outra (no mesmo estado) tive menos problemas, mas como morava em um a cidade que fala "cantando" as meninas acharam lindinho kkkkkk, bom nao sei exatamente se é sotaque la ou dialetos... apenas uma postagem

Haruka disse...

Excelente post!
Duas perguntas:

1- Na parte do dialeto "gay", seria "atashi" mesmo? Sempre achei que se escrevia あたし, ao invés de 私(watashi). Além disso, esse modo "gay" não pode ser usado por meninas também?

2- Existe um tipo de "eu", que eu sei que é bem antigo e sempre achei que fosse de samurai, que é esse aqui: 我. Eu não sei ler esse kanji sozinho, mas sei que 我が (waga) significa "meu", nesse modo. O que eu gostaria de saber é qual a leitura dessa forma, e de qual época ou por quais tipos de pessoa ele era/é usado.

yukipoa disse...

Obrigado pelo comentário.
Gay imita o modo de fala por mulheres, apesar de não ser tudo igual.Por isso mesmo,gay fala atashi que nem as japonesas.
A leitura de 我 é ware.Que eu saiba, samurai não usava este pronome para si.Ele usava Sessya.
我我(wareware ) que significa "Nós" se usa ainda hoje.
;)

Anônimo disse...

Muuuuito bom o texto ô/, eu realmente gostei e achei interessante. Eu passo no teu blog de vez em quando, mas não consigo ler muitos posts por conta do fundo preto e letras branca, o que cansa muito a visão :/
Parabéns pelos belos posts :D

Igor Lourena disse...

Por Curiosidade, na dublagem de anime ou filme estrangeiro, que dialeto os dubladores japoneses utilizam?

yukipoa disse...

Obrigado pelo comentário.
Isso depende da personagem.
Se for do interior, ele precisa falar em dialeto da região.
;)

Anônimo disse...

você sabia que no brasil tem o mesmo problema . os cariocas não gosta dos paulista .. o pessoal do sudoeste não gosta do pessoal do norte é do nordeste . isso é normal

Vani website disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Akio Omoto disse...

Eu falo "Ore wa", nunca imaginei que atashi fosse gay kasoksoa
apesar de ter ouvido mt cara falar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Web Analytics