terça-feira, 19 de março de 2013

Você se importa com as belezas das suas letras!?


  Ao caro leitor

  Suas letras são bonitas?

  Não!?No entanto,são legíveis!!?

  Se forem legíveis,tudo bem.Eu digo isso porque eu já recebi receita médica na qual estavam escritos alfabetos ilegíveis. Talvez brasileiros comuns são capazez de decifrar esses alfabetos feios por estarem acostumados a ler isso.Mas,eu não.

  Você se importa com as belezas das letras na hora de escrevê-las?

  Hoje eu gostaria de tratar sobre como os japoneses se importam sobre as belezas das letras. 


  Como você sabe, há 3 tipos de alfabetos na língua japonesa : Hiragana e Katakana ( Letras fonéticas ) e Kanji ( ideograma ).

  A grande maioria já entra "Hiraganatizada" e "Katakanatizada" na escola de ensino fundamental aos 6 anos no Japão.

  Na aula de alfabetização, as crianças costumam utilizar cadernos com linhas impressas como mostra a foto a seguir.Assim, eles conseguem escrever letras de tamanhos certos dentro dos quadros,seguindo as ordens corretas de escrevê-las no caderno.


  Sim.Cada letra tem sua orden de escrever os traços.Alfabetos ocidentais também têm,ne? Aliás,eu precisava aprendê-los de mesmo método aos 10 anos na escola.

  Mesmo com certas atenções em relação as beleza das letras,há crianças que não conseguem escrever letras bonitas como eu.Porque escrever letras bonitas exige vocação do aluno em certo nível.

 No Japão, há ( aula de caligrafia ) 習字 na escola de ensino fundamental.Há dois tipos de caligrafia : 硬筆 ( Kouhitsu ) e 毛筆 ( Mouhitsu ).

  Na aula de Kouhitsu, os alunos de primeiro ano e do segundo ano do ensino fundamental treinam letras no caderno com lápis.


  Na aula de Mouhitsu,os alunos a partir do terceiro ano do ensino fundamental treinam letras no 和紙 ( papel especial ) com ( pincel ).


  Sob a orientação do professor, os alunos escrevem letras conforme o modelo original durante aula.Quanto mais parecido com o original o aluno, melhor nota ele vai receber.

  Depois de escrever as letras várias vezes, alunos entregam a melhor "obra" para professor.Aí o professor corrige as letras dos alunos e até escreve outras letras em cima das letras escritos pelos alunos com cor laranja, como foto a seguir.


  Eu já me encontrei com vários alunos brasileiros que não gostam de ser corrigidos nas provas com caneta vermelha.Parece que eles sentem ofendidos pelas correção que eu fiz.Porém,eu vou lhe informar que isso é uma maneira comum entre os japoneses e não é ofensa nem crítica, só para você não me interpretal mal.

  No Japão, há concurso de caligrafia pelo menos uma vez por ano,normalmente no início do ano após as férias de inverno, o que se chama 書き初め ( Kakizome ).

  Quem consegiu escrever letras bonitas recebe prêmios conforme suas classificação e suas obras premiadas são expostos nos corredores da escola durante algum tempo, o que dá muito orgulho para quem recebeu prêmios.Há até alunos que recebem prêmios nacionais no concurso nacional!!


  Os japoneses acham que as letras representam suas características e seus níveis como pessoa.Por isso mesmo, nós nos importamos muito com as belezas das letras.

  Aliás, mesmo que uma pessoa seja extremamente inteligente, se suas letras forem muito feias, ele até poderá perder toda adimiração pelo seu trabalho e sua inteligência.

  Por isso, há escola particular de caligrafia no Japão para atender a essa demanda da sociedade.Há até graduação conforme seu nível de beleza das letras e sua dedicação que nem artes marciais.As letras de quem tem segundo ou terceiro grau já são imcomparáveis às letras das pessoas comuns!!

  Alguns caligrafistas profissionais ganham fortuna escrevendo apenas uma palavra ou uma frase!!Que maravilha,ne?Escrever dá grana para gente!!



  No Japão, há muitos casos especiais em que precisamos escrever letras bonitas.

 年賀状 ( Nengajyou ) : uma carta a ser enviada no ano novo, decejando feliz ano novo ao destinário.


  Hoje em dia, há muitas pessoas que manda computador fazer essa carta especial.No entanto, ainda muitas pessoas preferem escrever pelo menos cumprimento com caneta ou pincel,para fazer com que a carta seja mais afetiva.

  祝儀 ( Syuugi ) : Os japoneses têm costume de dar dinheiro em várias ocasiões especiais tais como  casamento e funeral.Nestes casos, gente coloca dinheiro no envelope,pois entregar dinheiro sem envelope é considerado como falta de educação.Como nós precisamos escrever o nome do destinário na frente do envelope,não dá para escrever letras feias.


  Minha letras estão longe de ser bonitas apesar de serem legíveis.Quando eu era criança, eu imaginava que minha letras iriam melhorar com o passar do tempo.No entanto, nada mudou infelizmente.

  Por isso, eu insisto o seguinte.

  Caso você decida aprender língua japonesa,favor procurar escrever as letras mais bonitas possíveis desde a primeira aula, pois uma vez você aprende as letras, a beleza das sua letras nunca vão melhorar pelo resto da sua vida!!

  Ao contrário,se você consegue aprender a escrever letras bonitas, todos os japoneses vão te admirar!!!Você vai ver.

  ;)


Comentários
13 Comentários

13 comentários:

Anônimo disse...

No Brasil é comum os médicos escreverem ilegivelmente. Na escola, quando alguém possui a letra muito feia, é taxado de médico. Já é uma característica do profissional, não conheço um único médico que tenha uma bela letra. Acredito que de tanto os médicos escreverem, já perderam a vontade de fazer uma letra digna de nota.

Anônimo disse...

Para mim que sou japonês, a minha letra de mão é feia, é difícil tudo arredondado e junto. Assim quando eu comecei a escrever com letra de forma ficou muito mais fácil, mais parecido com japonês, na minha opinião.


Iruka disse...

Acho que os médicos principalmente deveriam ser os primeiros a terem aulas de caligrafia.Uma receita mal interpretada pode causar danos sérios ou perda de viagem...no meu caso,fui até a farmácia e o atendente não conseguiu identificar se eram 500 ou 800 mg...voltei para casa com as mãos vazias.No outro dia, fui até outra farmácia e lá conseguiram ler a receita.Alguns médicos imprimem a receita,outros parecem pinturas rupestres.

Aline Gonçalves disse...

kkkk, você foi infeliz no exemplo da receita médica. Aqui no Brasil aquela letra indecifrável dos médicos são o orgulho e trunfo deles, afinal só eles escrevem daquela maneira. Não se preocupe o prontuário e outros documentos eles usam uma letra legível ou mais caracterizada e próxima da caligrafia comum, mas as receitas meu amigo é aquilo ali mesmo, geralmente tem um dos contras que escrevem bonitinho, mas pode ter certeza que não é médico.

No pré-primário e jardim quando estamos aprendendo as vogais e depois o alfabeto temos que usar caderno de caligrafia também, mas depois da segunda série do fundamental onde já se sabe ler e escrever o aluno adapta sua caligrafia a seu gosto. Aqui caligrafia é algo pessoal, não é bonito ou feio, você olha para a folha de papel e diz isto é de fulano, funciona que nem assinatura mesmo.

Aqui também tem quem aproveite da boa caligrafia, principalmente em convites artesanais para casamentos e batizados e em alguns casos de formatura, é um escrita mais "rústica" até um pouco diferente do modelo ensinado nas escolas, remete um pouco ao formato da letra do século anterior similar ao encontrada na carta de Pero Vaz de Caminha. Fica realmente bonita, mas foge do padrão completamente e não é utilizado na nossa rotina.

Espero ter compartilhado um pouco sobre a caligrafia aos olhos daqui.

Falou!!!!

Aline

Anônimo disse...

Sou médico, e gostaria muito que os meus pacientes fossem educados como os japoneses, pois os que ja atendi foram os pacientes mais educados e pacientes que já vi na vida.

Ah, também gostaria muito de ter as mesmas condições de trabalho que as japonesas, com filas ordenadas, pacientes "pacientes", queixas coesas e tecnologia de ponta.

A questão médico e letra é batida e está sendo corrigida. E isso não é motivo de orgulho.

Motivo de orgulho é uma aprovação no vestibular mais concorrido, é concluir o curso universitário mais extenso e difícil, é poder ajudar e fazer o bem a inúmeras pessoas.

Só fico triste pois por mais esforço e boa ação, as pessoas adoram taxar os médicos. E geralmente por besteiras.

Gostaria de saber o porquê desta raiva, realmente não dá para compreender.

Os médicos brasileiros são motivo de orgulho SIM. Muitas descobertas dentro da medicina saíram das escolas de medicina deste país.

Muitas vidas são mudadas em todo o mundo por causa deste conhecimento. Assim como os gênios literários, assim como Santos Dummond, médicos como Osvaldo Cruz, Manoel de Abreu e Pereira Barreto.

Mas o que fica é o fútil e o inútil, assim como esta discussão.

patricia oliveira Alves disse...

Creio que a maioria achou pitoresco o exemplo da receita médica já que nós geralmente não entendemos o que está escrito e não vi nenhum debate acerca da profissão em si...
Eu tenho uma dúvida:a escrita japonesa atual é vertical ou horizontal? e a ordem de leitura é da direita para a esquerda e de cima para baixo que nem os mangás publicados aqui ensinam?

yukipoa disse...

Obrigado pelo comentário.
A escrita japonêsa é vertical e horizontal.
Mas,escreve-se vertical só na aula de japonês hoje em dia.
;)

Sero disse...

Isso que a Aline Gonçalves disse foi algo da cabeça dela, eu acho, por que não é bem assim não. Letra feia é considerada feia assim, principalmente por pessoas mais detalhistas. Algumas pessoas na escola são até conhecidas pela "letra feia" ou "garrancho", o que não é nada legal. E a letra dos médicos é difícil de ler mesmo até pra brasileiros, eu não consigo entender nada absolutamente. Não entendo por que escrevem assim.

Aline disse...

Foi engraçado o quanto os comentários fugiram do tema principal do post que era na verdade falar de letra difícil de ler.

A medicina não foi posta em check. O profissionalismo de alguém também não foi discutido do ponto de vista da caligrafia, isto não faz sentido. E fútil ou inútil não se aplicam aqui, creio eu, onde em geral comenta-se sobre o que foi proposto no post.

O médico anônimo se sentiu ofendido, não entendi porque, eu iniciei meu comentário com inúmeros kkkk (fácil traduzir não).

kkkkk

Anônimo disse...

por falar em cartas ,gostei da novela da NHK as cartas que nao chegaram da NHK

Roberta C disse...

Acho a caligrafia japonesa lindíssima! E como foi falado acima realmente existem poessoas aqui que vivem disso também, escrevendo de forma rústica e antiga em convites especiais :)
Ah os médicos particulares que eu vou (aqui em Porto alegre e região) estão usando receitas médicas impressas (digitam no laptop e imprimem em uma folha tamanho receita já com seu cabeçalho e assinam) para que esse problema da letra inelegível seja encerrado de uma vez por todas! ;)

Tayzun Yamato disse...

Tambem tenho letras feias mas elas são legiveis, medico no Brasil ele escreve daquela forma quase ilegivel somente para agilizar o trabalho, mas felizmente pessoas das farmacias medicas conseguem entender a letra de qualquer medico, não sei como, sempre me perguntei isso mas conseguem, eu que sou Brasileiro nunca consegui entender as letras de um medico e eu pensei que era assim em todo país, estava enganado isso so acontece no Brasil fico ate surpreso...

Akio Omoto disse...

Na vdd eu vi uma notícia que os médicos tem letra feia, porque na faculdade fazem muitas anotações nas aulas, além de ter que escreverem rápido senão perdem o contúdo, imagine 5 anos ecrevendo muitas anotações e rápido, qualquer um ia escrever uma letra horrível.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Web Analytics