sábado, 2 de novembro de 2013

As diferenças sobre comerciais de TV no Japão e no Brasil!?


  Ao caro leitor

  Você já assistiu algum comercial japonês de TV?

  Quem já o assistiu deve ter notado algumas características peculiares, o que você não se vê nos comerciais brasileiros.


  As características que eu noto nas comerciais japonesas de TV são seguintes.

  • Atuação de uma celebridade linda que está na moda.
  • Dança engraçada por parte de celebridade ou pessoas comuns..
  • Uma história cheia de humor ou uma história emocionante. 
  • Repetição de palavra específica.

  Você pode ver o seguinte vídeo que é meio comprido, para verificar se o que eu estou lhe dizendo é verdade.


  Quem atua no comercial é, na maioria das vezes, celebridade que está na lista de celebridades mais procuradas pelo povo japonês, como eu já tratei num post. Porque, para a empresa, utilizar uma celebridade famosa faz com que possa divulgar o produto da empresa entre o povo japonês de maneira mais eficaz possível.

Nos comerciais, essa celebridade faz um papel engraçado ou dança de maneira impressionante e repete uma palavra específica, na maioria dos casos, o nome do produto do lançamento. Ou ela até pode interpretar um papel de uma garota linda e romântica numa cena emocionante.Depende muito dos comerciais.....

O que eu me impressiono é os números dos comerciais engraçados, ou até meio ridículo.Os brasileiros devem achar que como é que aqueles japoneses bem quietinhos e comportados colocariam tantos humores nos comerciais, como você pode ver isso no vídeo acima.
No Brasil também, a empresa de bebida costuma fazer comercial engraçadinho contando com atuação das pessoas comuns ou de uma celebridade como Neymar. Contudo, essas pessoas jamais dançariam, além de não tocar música viciante,ne?


Porque comerciais de TV no Japão têm essas características??.

Na minha opinião, a maior razão para isso acontecer é números surpreendentes de lançamentos de novos produtos.

Os japoneses são consumidores mais exigentes do mundo. Eles ficam enjoados de um produtos em pouco tempo.E, eles adoram novidades!!

Para atender aos esses desejos dos consumidores, as empresas são obrigados a lançar novos produtos sem parar. Senão, essas empresas vão ser esquecidas rapidamente. É um mercado, onde as empresas perdem seus clientes por qualquer coisinha.

Como eu já lhe apresentei Snack Foods ( salgadinhos ) mais populares que se vendem no Japão num post neste blog, existe alguns produtos que são admirados durante décadas pelos consumidores japoneses, sim. Contudo, é muito raro.

Por isso mesmo, as empresas japonesas, principalmente as da área alimentícia são obrigados a divulgar seus lançamentos pelo meio dos comerciais de TV.

Normalmente as durações dos comerciais são de 15 segundos ou de 30 segundos. Para divulgação em tão pouco tempo, exige-se de grande impacto aos consumidores.Por isso mesmo, uma dança com música viciante,uma história cheio de graça ou mistério acabam sendo adotados pelo patrocinador do comercial.....

Por falar em salgadinhos, por que as empresas brasileiras não lançam novos produtos? O que eu vi no supermercado há 15 anos é quase igual ao que eu vejo no supermercado agora. Não mudou praticamente NADA.


O Brasil é país comunista por acaso?O brasileiro é um povo que reclama muito e faz greves toda hora. Como é que os consumidores brasileiros não reclamam sobre falta de variedades dos produtos nesses ramos?

Para quem é presidente da empresa nesse ramo, o Brasil deve ser um paraíso, pois não vai ser cobrado nada.Só basta fabricar sempre mesmos produtos e pagar salários aos seus funcionários certinhos.

As grandes empresas japonesas tais como Calbee,Meiji,e S&B devem entrar nesse ramo do marcado estagnado tanto para revolucionar o mercado quanto para agradar os consumidores brasileiros mais com novidades de verdade. Na minha opinião, há grande chance para empresas japonesas se destacarem nesse ramo.

O que você acha?

;)

Comentários
17 Comentários

17 comentários:

Anônimo disse...

O que eu fiquei sabendo era disso mesmo, que os comerciais são curtos de 15 seg, 30 seg, 1 minuto seria muito muito caro. Então nesse pouco tempo eles tem que fazer de tudo para sua marca chamar a atenção e não passar despercebido.

Agora sobre essa diversidade de sabores bizarros eu acho que é porque existe uma linha definitiva de produtos que deve ser o carro chefe e uma parcela para um certo nicho de mercado de pessoas que gostam de experimentar coisas diferentes mesmo não sendo bom, só para saber como que é. E depois poder comentar com amigos do trabalho, faculdade, pessoas do seu círculo social em geral e não ficar de fora do assunto. Chega perguntando se alguém experimentou aquela nova batata frita sabor chá verde com nori, alguém responde que sim e começa a discutir sobre o produto e quem não comeu fica de fora. Igual algum vídeo engraçado do youtube, as pessoas comentam e quem não assistiu fica de fora. E logo esse produto sai e entra outro, dessa vez sabor wasabi com shoyu.. Eles ganham dinheiro só no boom inicial da procura pela novidade e logo cai em declínio e é substituído por uma outra novidade.

ImpMontezuma disse...

Eu não tinha notado essa característica... Mas eu acho que é verdade mesmo ^^ (É legal ver uma opinião de alguém que veio de fora do país pra gente reparar nesse tipo de coisa ^^)

Eu acho que eu prefiro os produtos tradicionais do que produtos que ficam sempre mudando... Eu fico sentindo falta se um produto que eu estou acostumado de repente some das prateleiras... Isso também transfere pra mim uma impressão ruim da empresa... Talvez os outros brasileiros pensem como eu (não tenho certeza)...
Mas eu gosto de novidades também... O que acontece comigo(e talvez com outros) é que a gente gosta dos produtos que estamos acostumados e as vezes a gente enxerga uma mudança como um retrocesso... Mas isso não é uma regra geral... Pode acontecer de sair algo novo que todo mundo goste...

Eu não sei se trazer varias novidades aqui no Brasil daria certo.. Mas eu posso estar errado.
Me veio na cabeça agora o exemplo do Bis... Sempre houve (desde que eu me lembro) aquele Bis tradicional na caixa azul.. Eles inventaram depois de fazer um Bis de chocolate branco (caixa branca) e outro com caixa laranja (que eu não lembro do que é)... Eu experimentei todos... mas não gostei de nenhum novo... Eu ainda fico com o Bis antigo ^^... Pode ser um caso particular meu... Mas talvez os brasileiros não gostem mesmo de mudar algo que eles já gostam.

Bom... Agora eu fiquei curioso a respeito XD. Será que só eu penso assim?

PS: Ótimo posto como sempre Yuki ^^

Anônimo disse...

No Brasil não existe concorrência real entre as empresas alimentícias. A Coca-cola, por exemplo, comprou a maior fábrica de sucos naturais nacional(Sucos del Valle) e mudou a composição das bebidas, deixando de ser suco e passando a ser uma mistura.

Anônimo disse...

Eu tava agora mesmo lendo sobre as 10 cervejas mais bizarras do mundo e é claro que tinha do Japão rs. O Bilk que é o Beer + Milk, o Miyamori Wasabi Dry e um outro feito de farinha de arroz lúpulo e dashi(caldo de peixe + alga).

Ou os japoneses tem os gostos mais estranhos do mundo ou é para dar para alguém de sacanagem. Não vejo outra explicação. Tipo aqueles chocolate sabor lula..

Um tempo atrás a Ruffles tinha feito um concurso que o público enviava uns sabores diferentes e com nomes criativos e ganhava dinheiro e porcentagem das vendas. Tinha o Honey Moonstard, o Yakissôooba e o Strogonuffles. Acho que aqui no Brasil foi a coisa mais diferente que fizeram.

Renato disse...

Fico me perguntando como os japoneses fazem essas propagandas, elas são muito absurdas pra nós. Os japoneses realmente possuem um ponto de vista muito diferente dos ocidentais.

Mr. Roboto disse...

realmente impressiona essas coisas bizarras vindo d eum povo tão certinho, tão igual, ate no porno o JP é conhecido pelas bizarrices

Ja sobre novidades em salgadinhos, acredito q por ter renda baixa e produtos caros, só o fato de comprar um saco de batata frita ja é uma novidade para muitos ainda, kkk

E brasileiro é conservador mesmo lider de vendas carro é o GOL, moto é honda (84% mercado!!!), esporte é futebol, TV é globo

e só fica nisso, hehehe

Anônimo disse...

Olá! Outro ponto que percebi assistindo aos comercias do Japão, mostra muitos esportistas tomando cerveja!!! Ichiro, por exemplo! No Brasil, esportistas são sinônimo de pessoas saudáveis e que relacionar sua imagem com bebida ou cigarro, pega mal!!!
Ta certo que na vida real de alguns dos esportistas, eles bebem, fumam, extrapolam, etc... Mas eles são fortes influências para jovens e adolescentes, o que talvez seja uns dos motivos de não vincular sua imagem com coisas "não-saudáveis"!
Os japoneses não criticam esse tipo de comercial com estrelas do esporte?

Anônimo disse...

Hahaha os famosos comerciais nonsense do Japão, quanto mais idiota melhor.

Agora em relação aos salgadinhos e doces, eu vejo que tipo na Liberdade vende os clássicos tipo okaki, sembei, chocoball, pocky, aquele do koala, ebicen, aquele de ervilha e etc.. E isso para os brasileiros já é bem diferente, imagina os mais hardcore, nem tem saída para esse mercado.

Um produto que está fazendo bastante sucesso é o Melona, deve ser coreano, mas agora tem até no Wallmart e Carrefour, tirando a maioria dos restaurantes de sushi que vende. Lembro até um video do Pc zoando que o queijo coalho era um Melona de queijo hahaha. E o canal do crazyjapantv a maioria é sobre doces e salgadinhos bizarros do Japão.

Agora no Japão, mais do que sabor de salgadinho diferente é a quantidade de sabores de lámen instantâneo. Nos mercados tem um corredor só disso e cada vez que eu ia tinha um sabor diferente. O pior é quem vive disso.. saúde zero.

Anônimo disse...

O que acontece no Brasil é que as pessoas são conservadoras em relação à alimentação e as empresas tem medo de colocar novos produtos no mercado e eles não serem aceitos.

Por exemplo, café gelado, não deu certo, ninguém gostou e a empresa perdeu dinheiro.

Pessoas aqui tem medo de experimentar coisa nova, preferem os produtos antigos.

Anônimo disse...

O que acontece no Brasil é que as pessoas são conservadoras em relação à alimentação e as empresas tem medo de colocar novos produtos no mercado e eles não serem aceitos.

Por exemplo, café gelado, não deu certo, ninguém gostou e a empresa perdeu dinheiro.

Pessoas aqui tem medo de experimentar coisa nova, preferem os produtos antigos.

Cris disse...

Lembro de ter visto recentemente uma reportagem falando que uma grande empresa de laticinosos brasileira parou de fabricar mais de 30 produtos de sua linha e o consumidor nem percebeu.
E realmente, já tivemos varios produtos com sabores diferentes (como salgadinhos e refris com sabores diferentes),e até sabores as vezes comuns em outros paises (como o caso da cherry coke)mas o produto não agradaram os brasilerios
Acho que esse tipo de coisa acontece por sermos um povo conservador em materia de paladar e até fieis a algumas marcas.
Lembro como antigamente era dificil novas marcas competir com marcas tradicionais como a Bombril
Mas penso que hoje até existe mais espaço para novas marcas, sabores e produtos, porem para ganhar este espaço entre os brasileiros a melhor forma continua sendo em oferecer o seu produto muito mais barato que a concorrente marca tradicional.

Com relação a comerciais, bom, pelo que você mostrou parece que aqui no brasil temos mais diversidade de estilos de comerciais e os nossos não costumam ser tão chamativos.

Mas será que alguns comerciais brasileiros como aquele tradicional da bombril ou os bichinhos da parmalat não fariam sucesso no japão?
Eles não são tão berrantes, mas acho que também chamam bastante atenção.

yukipoa disse...

Obrigado pelos comentários.
A grande maioria está comentando que os brasileiros são conservadores em relação à comida.
Porém, pelo jeito Sushi está sendo aceito por muitos brasileiros,ne?
Bah!Como abriram restaurantes "japonês" aqui em Porto Alegre nos últimos anos!!
;)

Anônimo disse...

Pôneis malditos lá lá lá

fmass. disse...

oi! muito legal o post!!

E eu tenho um blog exclusivamente sobre comerciais japoneses, que adoro, desde que fui p/ lá.

O link é este: http://cm-japan.blogspot.com.br/

Quem quiser conhecer mais comerciais é só passar lá

arigatô por publicar o comentário

Cris disse...

O Sushi vem sendo bem aceito pelos brasileiros, entretanto, quantas décadas levou isto!
Eu escuto sobre sushi e restaurantes japoneses desde a década de 80. E não duvido nada que os meios de comunicação já falacem sobre sushis e restaurantes japonesa antes disto.
A idéia de comer peixe cru soava bizarro aos brasileiros, o sushi só começou a sair da lista de alimentos bizarros após a década de 90, pois na época estava na moda comer coisas saudável e comida japonesa era considerada saudável.
Mesmo assim foi um processo de muitos, muitos anos para o brasileiro perder o preconceito de comer sushi.
Vamos ver quanto tempo vai levar para os brasileiros terem coragem de consumir ovo cru sobre seus arroz,massas ou carnes como os japoneses fazem.
Mesmo sabendo que os brasileiros já consomem ovos crus em alguns doces e na maionese, demora para o brasileiro tentar coisas novas. Por exemplo: Eu provavelmente nunca comeria algo como arroz com ovo cru por medo da salmonela e por imaginar que o gosto seja nojento.


Leandro Schuquel Alves disse...

Adoro as "estranhas comidas orientais" mas acho que as indústrias brasileiras deviam investir mais em coisas novas tanto na tv como nos alimentos.........

Erynn Dé Dannán disse...

Bom como eu já comentei antes, sushi e sashimi já não é mais novidade para mim, já é senso comum...mas se os restaurantes japoneses investissem na comida caseira japonesa acho que faria algum sucesso, pois é o que falta aqui..lembro que fui em um bazar da ACJ no Tanabata onde tinha gyoza, tonkatsu, chikenkatsu, carê e onigiri...tinha tanta gente para comer que tivemos que colocar umas 5 panelas elétricas de arroz para cozinhar para dar conta, e não eram só japoneses, haviam muitos brasileiros também! É uma comida que não tem nos restaurantes japoneses daqui e quando tem é caríssimo. Udon, sobá e domburi também fara sucesso concerteza.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Web Analytics