quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Sem bebida alcoólica não dá para fazer amigo de verdade no Japão!?

  Ao caro leitor

  Você sabe beber bebida alcoólica?

  Sim!?

  Você acha que saber beber bebida alcoólica é fundamental para fazer amigos de verdade?

  Hoje eu gostaria de tratar a relação entre bebida alcoólica e amizade no Japão.


  Antes de mais nada, eu vou lhe passar informações básicas sobre bebida alcoólica no Japão.

  Pela legislação, quem não é maioridade ( 20 anos ) não pode beber bebida alcoólica no Japão.Só que mesmo que menor de idade beba uma bebida alcoólica, não existe uma multa a ser aplicada para essa infração.O que a lei proíbe é a venda de bebida alcoólica ao menor de idade por parte de um estabelecimento comercial sabendo que os compradores de menor de idade vão bebê-lo.Por isso mesmo,quem recebe multa é sempre a pessoa responsável do estabelecimento no Japão.

  
  Como será na legislação ao respeito no Brasil?

  A grande maioria dos japoneses começa a beber logo depois que entrar na universidade aos 18 anos, apesar de saber que é ilegal beber com essa idade.Considera-se que é um ato admissível conforme uma consciência nacional.

  Geralmente, logo depois que os novatos entrarem na universidade em abril, eles costumam participar de várias festas tanto do curso quanto do clube cultural ou esportiva que eles escolheram,com o objetivo de comemorar seus ingressos por parte dos veteranos.


  Aí que os novatos de 18 anos vão ter oportunidades de beber bebida alcoólica pela primeira vez nas suas vidas fora das suas casas.Como eu já tratei num post neste blog, as pessoas mais novas têm que obedecer às ordens das pessoas mais velhas conforme a cultura japonesa tradicional.E entre os veteranos, sempre há pelo menos um veterano que tem ideia de que os novatos são obrigados a beber bebida alcoólica tanto para mostrar sua fidelidade aos veteranos quanto para mostrar seu espírito de luta como um homem de verdade e algo assim.

  Um veterano diria uma frase seguinte ou algo parecido.

“Você não vai conseguir beber uma bebida que eu ( um veterano ) lhe ofereci?”

  Para não estragar o relacionamento com um veterano assim, o novato acaba bebendo essa bebida sem poder recusá-la.

  Na pior das hipóteses, o novato fica obrigado a beber um copo de cerveja de uma vez só diante de todo mundo, como se fosse um espetáculo, o que você pode verificar no vídeo a seguir.

  Todas as pessoas cercam um novato e ele precisa tomar a cerveja o mais rápido possível recebendo palmas e ouvindo a palavra “Ikki ( de uma vez )” várias vezes grito por parte dos veteranos, até que o novato termina de tomar tudo.

 
  
  Graças a Deus, eu passei por isso só algumas vezes.

  Eu não sou de bebida alcoólica.Eu não gosto de beber nenhuma bebida alcoólica.Aliás, eu não bebo nem uma gota de bebida se não precisar.Porque eu acho bebida alcoólica nada gostoso.

  Graças a Deus,nenhum veterano insistiu muito para eu beber, apesar de que tentou incentivar.Aliás, quando eu passei pelo ritual “Ikki Nomi ( beber de uma vez )”, eu me senti mais macho até.

  No entanto, muitos universitários no Japão morrem por causa desse ritual “Ikki Nomi” no Japão, pois o aumento repentino de álcool no sangue de quem não está acostumado à álcool é fatal.Quando eu era universitário,ocorreu um caso na minha universidade, no qual um novato se deitava numa rua por ter bebido tanto e foi atropelado pelo carro. No outro caso, um novato bem bêbado se deitava no campo no inverno e acabou morrendo de frio sem que os amigos deles não levassem ele até sua casa.

  Que horror,ne!?

  Bom.Voltando ao assunto inicial, qual imagem você tem em relação aos japoneses?

  Sério,estudioso,fechado,pontual, bla,bla,bla...

  Pois é. Eu também acho que japonês em geral é um povo mais fechado e mais sério.Por isso mesmo, há gente que bebe bebida alcoólica para deixar pessoa mais aberta e alegre.

  Tudo bem.Com certeza, a bebida alcoólica tem um efeito que eu citei acima.Ou melhor, há gente que não consegue se soltar sem bebida alcoólica.

  Por isso mesmo, certa gente insiste que tem que beber juntos para ser amigo de verdade e reclama ou critica as pessoas que não bebem justificando que eles não estão conversando com corações abertas ou não estão curtindo o momento.


  Eu consigo me tornar uma pessoa aberta e posso curtir o momento sem contar com bebida alcoólica.E eu consigo me desabafar ou dar minha opinião sincera sem tomar bebida alcoólica.Tudo isso não depende da ocasião mas de com quem eu estou juntos.

  Por isso mesmo, eu não entendo a lógica da pessoa que insiste na necessidade de bebida alcoólica na hora de fazer amigos de verdade ou na hora de trocar opiniões sem cerimônia.

  Quem toma bebida alcoólica deve estar querendo compartilhar o momento junto com seu companheiro.Eu entendo esse desejo da pessoa que adora bebida, sim.No entanto, essa ideia de não conseguir fazer amigos de verdade sem tomar bebida alcoólica jamais será compreensível para mim.

  Será que os brasileiros também têm um pensamento assim?

  Particularmente eu gostaria de aprender a beber bebida alcoólica para conseguir corresponder às expectativas da gente que tem esse pensamento.E queria dar minha opinião sobre várias bebidas do mundo com o objetivo de mostrar que eu sou um adulto chique.

  Contudo,ao beber um pouco de bebida alcoólica,o meu coração começa bater mais rápido e eu não me sinto muito bem.Por qual motivo eu preciso fazer uma coisa contra minha vontade?

  Dizem que um pouco de bebida faz bem para saúde.

  Quem sabe na próxima vida!

  ;)


Comentários
12 Comentários

12 comentários:

Paula disse...

私は竹内先生とまったく同意見です!

お酒は苦いし、全然美味しくないと思います。

特に、若い人は酔っ払うまで飲むつもりですね。
吐くまで飲む人もいます。
それはちょっとおかしいなと思います。
だって体にとても悪いです。

どこが楽しいんですかね。

Renato Kunz disse...

No Brasil é exatamente igual, e nas cidades universitárias é ainda pior. Normalmente as cidades universitárias, são cidade pequenas de no máximo cem mil habitantes onde os universitarios ocupam uma quantidade bastante expressiva da população local, como é na cidade de Ouro Preto-MG(UFOP). Cidades pequenas nunca tem muito o que oferecer de entretenimento para os jovens o que faz com que os universitários consumam muita bebida alcoólica para se entreter, as festas de recepção de calouros nas universidades são na verdade rituais de iniciação de calouros na vida Alcoolica,sendo que a maioria dos jovens no Brasil já bebiam antes da faculdade, mas isso esta nitidamente diminuindo. Pra ser sincero aprecio bastante bebidas alcoólicas e festas universitárias, me divirto bastante mas nunca perco o controle, até por que isso é coisa de calouro!

ImpMontezuma disse...

Eu sou como você.. não gosto de tomar bebida alcoólica... Simplesmente acho o gosto ruim... Quando eu bebo é por obrigação social... Na verdade o efeito da bebida em mim é bem peculiar... em vez de ficar alegre eu fico mal humorado e com sono XD. Na minha faculdade todo mundo entrava nessa de "beber socialmente" sempre que havia a oportunidade... Não sei como são as coisas hoje... Provavelmente ta na mesma. No Brasil é parecido com o Japão também.. O crime é o estabelecimento vender a bebida pro menor.. Só que no caso do Brasil a maioridade é 18 anos e não 20. Bom... não sei mais o q e falar a respeito... Eu não sei muita coisa sobre bebida ^^" melhor o pessoal ae responder.

Anônimo disse...

sofri a vida inteira com isso, não entendo por que p/ se socializar no happy hour tem que tomar essa coisa amarga e salgada.Me assumo abstemio , já fumei charutor cubanos um por semanas que dá um relazam,ento demais, para mim, só que detonam o pulmão, mas bebida nunca entendi p/ que tomar. Vinho vai bem no risoto e licor fica bem dentro do chocolate.

Cris disse...

Pelo que você comentou parece que os japoneses bebem mais para "se soltarem" já que vocês tem uma cultura mais introvertida. Enquanto seus universitários bebem por este motivo e também para fazer algo rebelde.
Aqui no Brasil também se bebe por estes motivos como entre outros. Mas respondendo a sua pergunta titulo, acredito que a bebida alcoólica até pode te ajudar a ter coragem de se aproximar mais das pessoas para fazer uma amizade ou tentar iniciar um relacionamento com alguém que te interessa. Mas não se consegue fazer uma amizade de verdade, afinal você não fica 24 horas do dia embriagada, então para alguem ser seu amigo de verdade tem que ser alguem com que você se sinta a vontade e "aberto" quando você está sóbrio também.

No mais, mas que sacanagem desses amigos/veteranos que deixaram aqueles calouros sozinhos e dormindo em lugares perigosos. Fico imaginando os problemas que não devem ocorrer com as calouras que bebem demais....

Eu sou da opinião se não quiser não beba, principalmente se você não vê razão para isto. Pelo que eu entendi você não gosta do sabor da bebida alcoólica e nem sente falta dela para se descontrair e se soltar. Então só haveria razão de beber caso você se sentisse obrigado a isto, o que não parece ser o caso.

Anônimo disse...

Acho que no Brasil eh menos restrito o acesso de menores ao alcool. Ja vi varios adultos passando o proprio copo de cerveja, caipirinha para a crianca experimentar. Vinho esta-ou estava-na mesa de refeicoes de imigrantes europeus e acho que quem eh da regiao sul do pais poderia confirmar ou nao se bebeu um pouquinho de vinho com agua ou nao pelo menos uma vez com menos de 18 anos. Nao defendo bebida para ninguem muito menos para menores mas penso que o tabu do Japao com relacao ao alcool eh bem mais tolerado no Brasil. Serena

Anônimo disse...

Continuando. Quem obriga a beber nao eh amigo. Quem fica com a bochecha ou em volta dos olhos bem rosados quando bebem devem evitar o alcool pois a tolerancia do organismo eh menor. Li que em dos motivos para se usar a bebida para uma conversa "sincera" no Japao eh que voce pode deixar escapar algum comentario inconveniente para o chefe com a desculpa de que foi a bebida. Admiro a responsabilidade de ja deixar preparado de antemao o modo de retorno para casa apos sair para beber. Ou vai de carona e pede pra alguem da familia ir buscar ou volta a pe ou de taxi ou vai de carro mas na volta liga pra um servico em que chama um carro com dois motoristas. Um deles dirige o carro do cliente e o leva para casa. Ou deixa o carro no estacionamento e dorme num hotel por perto. Ou se quer ir de carro e voltar dirigindo simplesmente nao bebe alcool e diz que eh por estar de carro. Geralmente as pessoas entendem e eh uma otima desculpa para nao beber podendo ate mesmo dar carona para os outros que beberam deixando-os na estacao de trem por exemplo ou na porta de casa confirmando que o colega abriu a porta e entrou para evitar os tristes casos citados de hipotermia ou atropelamento.

Anônimo disse...

Eu nunca bebi por causa da timidez como os japoneses, eu bebo para me divertir, talvez quando eu era mais jovem para chegar nas garotas. Mas eu não tenho mais esse problema, eu xaveco sem estar bêbado.

Um amigo meu japonês falou que ele era obrigado a beber em reuniões de trabalho lá, é verdade isso? Para mim ia ser uma maravilha isso!

Anônimo disse...

Sugestão: Tem um assunto que eu tenho muita curiosidade, é sobre o Karoshi(morte por excesso de trabalho), isso é comum? Como os japoneses encaram isso?
Acho que seria um ótimo assunto para abordar, ainda mais porque esse problema está acontecendo no Brasil, na minha cidade um gerente de banco morreu de tanto trabalhar.

Tayzun Yamato disse...

As bebidas alcoólicas são bastantes consumidas em todo mundo, mas não acho que seja necessário neste caso para se em turma, o povo sempre consume nas festas em ficam naquele de " ei vamo beber uma ae", se quiser a pessoa pode muito bem recusar, não vejo problema nisso mas por outro lado isto parece afetar de alguma forma a relação entre as duas ou a turma, neste caso alguns se sentem ate obrigados a tomar um pouco de fato não tem problema algum alguém beber um pouco, sem exagerar. A maioridade no Brasil e de 18 anos muitos bebem ate por volta dos 14 anos de idade ou pelos 16 anos muito cedo. Bebida e caso serio no Brasil o numero de alcoólatras e muito grande sem contar o numero de flagrantes de bebuns que são constantes alvo de risadas por fazerem coisas sem noções no meio da rua ou ate arrumarem confusão e brigas. Muitos provocam acidentes dirigindo veículos, na maioria dos casos eles ferem as outras pessoas ao invés de serem vítimas do próprio erro. Se alguém insistir pra que você tome simplesmente não tome ou disfarce tomando outra coisa como um refrigerante e diga estou bebendo refrigerante já isto cola muito bem ou quem sabe um energético. Mesmo que esta seja uma situação obviamente com relação a questão de gosto e que não ofereça nenhum risco podemos comparar de forma igual como uma situação de alguém querendo induzir você ao fumo ou a droga no caso a bebida não apresenta nenhum risco diferente deste outras duas coisas citadas podemos apresentar um exemplo ético também neste caso uma pessoa vegetariana sendo obriga a participar de um churrasco. Obviamente ela iria recusa e fugir da situação... O mesmo vale pra qualquer coisa pra nós, não devemos deixar as diferenças pessoais prejudicar as amizades afinal nem todo mundo gosta de beber bebida alcoólica alguns só bebem suco e água geralmente por ser mais saudável.

DeMorais disse...

Yuki, sempre fui um cara tímido. Por outro lado, não bebo por razões familiares, embora não tenha nenhuma restrição específica com pessoas bebam na minha companhia e mesmo na minha casa. Eu não bebo para manter o meu autocontrole, mas é uma questão muito íntima minha. Porém, isso sempre foi encarado com muita desconfiança por parte das pessoas a minha volta. Tive grandes problemas com isso na adolescência. Hoje é bem mais fácil. Ninguém incomoda muito um homem de meia-idade que não quer beber. Mas eu entendo a pressão que os calouros do Japão sofrem.

Gabriela Pinheiro disse...

Sou como você...não gosto do gosto da bebida alcoólica.
lembro que quando eu era caloura ...inventei a desculpa mais tosca de que como eu tinha acabado de chegar no churrasco ao meio dia, já tinha comido em casa e não gostava de beber de barriga cheia. Pois me senti o patinho feio da turma , a única a ficar de braços cruzados enquanto todos se enturmavam com garrafas e mais garrafas de cerveja e Jack daniels.

A partir dai, passei a beber (de leve) apenas como obrigação social ...mesmo não gostando e me sentindo péssima por está sendo uma "Maria vai com as outras" apenas para não bancar a excluída pois acredito que mesmo sendo por efeito placebo, a bebida alcoólica tira sim a timidez.

Gostei muito dessa matéria. pois saber a opinião de outras pessoas e uma auto-avaliação é sempre bem vinda. Observando aos comentários...sempre me vem a pergunta: Por que as pessoas que possuem pensamentos iguais aos nossos tem que morar tão longe? : m =^.^= m

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Web Analytics