terça-feira, 21 de agosto de 2012

Você frequentaria ao colégio destinado só para mulheres!?

  Ao caro leitor

  Você sabe que existem colégios ou universidades destinadas só para mulheres no Japão?

  Existe uma escola assim no Brasil? Talvez escolas para freiras seriam algos parecidos,ne?

  Você gostaria de frequentá-los?

  Na minha opinião, colégios(女子高)ou universidades(女子大)destinadas só para mulheres são heranças do século passado.

  Antigamente os japoneses consideravam que as mulheres não precisavam de educação de alto nível, ou melhor, precisavam de educação diferenciada tais como cozinha, costura,etiquetas,entre muitas coisas.


  Só para você ter uma idéia, eu vou lhe mostrar o índice de ingresso no ensino fundamental na figura abaixo, através da qual você vai saber se o índice do homem é de 40 % enquanto o mesmo da mulher é de 15 % em 1873. 


  Por isso mesmo, precisavam fundar uma entidade exclusiva só para mulheres, onde se ensina essas coisas citadas acima,além de aprender materias normais.

  No entanto, a medida que as posições sociais das mulheres foram subindo na sociedade, foi perdendo esse objetivo inicial ao longo da história após a segunda guerra mundial, pois as mulheres deixaram de ser dependentes dos homens.

  Seguindo essa tendência, colégios ou universidades destinadas só para mulheres perderam o significado das suas existências.Portanto,essas escolas começaram a aceitar os alunos masculinos na escola em busca de sua sobrevivência.

  Quem mora no Japão deve perceber que muitos colégios têm números nos seus nomes das escolas tais como 水戸校(Mito Ichi - kou,水戸校(Mito Ni - kou).

  Eu vou lhe contar um segredinho.

  Quando tem número 1 em nome do colégio,normalmente ele era um colégio só para homens(男子校). Por outro lado, quando tem número 2 em nome do colégio, ele era um colégio só para mulheres(女子高).

  Eu sei disso porque eu frequentava um colégio que tinha número 1 no seu nome e tinham poucas mulheres infelizmente, pois fazia poucos anos que o colégio tinha começado a aceitar mulheres.


  Então, vamos ver quantos colégios têm no Japão conforme seus caráteres.

O número de colégios onde homens e mulheres frequentam.  4820
O número de colégios onde só homens frequentam.                  159
O número de colégios onde só mulheres frequentam.                396

  O que você achou?Eu acho que o número de colégios só para mulheres ainda é bastante significativo, considerando a situação da sociedade mais "modernizada".Isso quer dizer que ainda há demanda para este tipo de colégio no Japão.

  Os pais que tem pensamento bem conservador acreditam que colocar suas filhas no colégio para mulheres vai trazer muitas vantagens tais como a dedicação ao estudo e aprendizagem de etiqueta para mulheres, sem envolver no relacionamento com alunos masculinos.

  No entanto, dizem que a realidade não é bem assim que os pais imaginam.

  Não estou lhe dizendo que elas começam a ter relacionamento sexual mais cedo.As mulheres que não têm contato com homens no colégio acabam se comportando bem pior do que as mulheres que frequentam aos colégios onde homens também estudam juntos.

  Os comportamentos relatados são seguintes.

  • Falar sobre coisas pejorativas à vontade entre as alunas.
  • Sentar-se como se fosse homem na cadeira sem se preocupar em mostrar calcinha.
  • Fazer bullying para aquela vítima determinada de maneira mais cruel.
  • Não respeitar os professores novos e debochar os professores de meia idade.

  Que horror!!




  Claro que há muitas alunas sérias que dedicam aos seus estudos mesmo frequentando àos colégios para mulheres e talvez isso seja preconceito. Mas, uma conhecida também me contava mais ou menos mesma coisa.Isso quer dizer que tudo isso não é totalmente mentira.

  Os homens acham que o colégio só para mulheres é paraíso. Mas, a realidade não é como a gente imagina.

  As mulheres sempre precisam das olhares dos homens.Sem isso, elas acabam se comportando pior do que os homens.Seja bom, seja ruim,homens e mulheres precisam conviver juntos para se comportarem melhor desde criança,ne?

  Por último, na minha época, a moda entre alunas de colégio era vestir saias longas.

  No entanto, 2,3 anos depois que eu me formei, vestir saias bem curtas e meias longas entraram na moda entre alunas de colégio!!


  Na ocasião, eu pensei o seguinte : “Eu nasci no tempo errado!!”

  ;)


Comentários
12 Comentários

12 comentários:

Bruno Terragno disse...

haha muito bom!
acho que todos nós pensamos "eu nasci no tempo errado" em algum momento.

Anônimo disse...

Muito legal o post :)

~Leo

Kushina disse...

Muito legal o post!
Nos sempre ouvimos falar dos colégios femininos em mangas, doramas e filmes! É legal ter um esclarecimento sobre eles!!! ^^

Anônimo disse...

Muito bom, arrasou no post, parabéns.
Rsrsrs,achei muito engraçada a parte do "nasci no tempo errado",todo mundo já pensou nisso em algum momento da vida..;)

Eduardo disse...

No Brasil tem internatos para mulheres em algumas regiões do país, e existe uma escola em que só aceita homens (o famoso Colégio São Bento, tida como uma das melhores escolas do Brasil, localizado no Rio de Janeiro)

Lux disse...

Muito interessante saber disso, uma dúvida, Um homem que se matricula em um colégio deste, poderia sofrer bullying das meninas?

yukipoa disse...

Obrigado pelos comentários.
Eu não sei se o homem vai sofrer bullying no colégio que era só para mulheres.
Tudo depende do comportamento e a personalidade dele.
;)

Anônimo disse...

Excelente blog, conteúdo de alto nível instrutivo . A cada post aprendo cada vez mais sobre o país que admiro.

Obrigado!

Anônimo disse...

por q nao e obrigatorio as mulheres servirem exercito no br?no jp serviço militar e o voto nao sao obrigatorios e no br e.

Pedro de Morais disse...

Olá Yuki.
Existem colégios assim aqui Brasil também.
Inclusive, se chamam escolas de edução diferenciada.
Muitas delas são militares, para órfãos ou religiosas. Mas grande parte é destinada estritamente para se valer dos benefícios do ensino diferenciado. Como banheiros alojamentos e vestiários.
A grosso modo também as meninas amadurecem mais rápido, e implicaria em um atraso pô-las para estudar com meninos, que por sua vez têm dificuldade em acompanhar esse desempenho. Além de distrações pertinentes à diferença entre gêneros.
Esse infográfico mostras estas instituições espalhadas pelo Brasil:
http://www1.folha.uol.com.br/saber/909195-especialistas-defendem-separar-meninos-e-meninas-nas-escolas.shtml

Kirino disse...

Muito bom esse post, achei bem interessante, no meu caso, prefiro conviver numa escola com homens e mulheres, do q só com mulheres. Imagina,passar a maior parte do dia olhando só meninas? Esse Japão, tem cada coisa interessante, cada vez eu o amo mais!
Parabéns pelo blog, é maravilhoso!

André Brandão disse...

Ótimo post! Quando estava na faculdade de ciências da computação, muitas vezes não havia presença feminina, então mais ou menos sei a sensação hehehe.
Muito difícil achar uma desenvolvedora e nerd, quando achei, casei com ela.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Web Analytics