sexta-feira, 6 de abril de 2012

Brasileiro que não pede desculpa.Japonês que pede desculpa muito!?

  Ao caro leitor

  Quando eu morava no Japão, eu lia muitos livros que tratavam sobre as diferenças culturais entre a cultura japonesa e a cultura ocidental, especialmente a dos Estados Unidos.

  Um dos livros que eu li orientava o leitor japonês para não pedir desculpa no exterior na hora de envolver no acidente de carro, alertando que esse ato "gentil" poderá trazer vários desvantagens na justiça onde julga quem é culpado no acidente.

  Eu não sei se o Brasil pertence ao país ocidental. Contudo, a meu ver, esta orientação serve no Brasil também.

  Quem já morou ou está morando no Japão deve ter impressão de que os japoneses pedem desculpas a toda hora,não é?

  O japonês é um povo que se importa a harmonia dentro da comunidade. Aliás, o japonês sempre se preocupa em como ser visto pelos outros.

  Portanto, o japonês em geral procura manter o relacionamento bom com todas as pessoas, pelo menos aparentemente, mesmo que ele tenha muitas reclamações em algumas coisas contra as pessoas. Ele não se manifesta essa insatisfação com palavras.
  
  Por isso, qualquer problema que surgir, ele pede desculpa como o melhor meio para não deixar o problema mais grave posteriormente e assim poderá manter relacionamento bom.

  Pedindo desculpas já no primeiro momento, e se você atender essa pessoa com sinceridade e carinho, nós podemos manter relacionamento bom, seja quem for.

  Então, se você quiser ter bom relacionamento com amigo japonês ou cliente japonês, quando surgir um problema, a primeira coisa que você deve fazer é pedir desculpa. Assim, ficará muito fácil de resolver o problema posteriormente.

  A outra razão para você ter impressão de que os japoneses pedem desculpas demais está na própria expressão da língua japonesa.

  Mesmo que você não saiba o conhecimento sobre a língua japonesa, você deve saber como se diz obrigado em japonês,ne?

  Sim. Arigatou.(ありがとう)


  Só que há outra expressão que significa obrigado em japonês.

  Sumimasen.(すみません)

  Quem já estudou japonês deve me questionar o seguinte.

 “Sumimasen” não significa “Desculpe” ou “Com licença”?

  Você tem toda razão. Sumimasen se usa quando você pedir desculpa à alguém ou quando você pedir licença para alguma coisa.

  Só que “Sumimasen” tem outra utilidade.

  Como eu já expliquei antes num post, os japoneses precisam levar alguns presentes quando visitarem as casas dos seus amigos ou dos superiores. Se não levarem, é considerado como a falta de educação.

  Numa ocasião como essa, a pessoa que recebeu o presente da visitante dirá a seguinte palavra na hora de receber o presente.

  (Doumo) Sumimasen.

  Neste caso, é claro que ele não está pedindo desculpa. Pelo contrário, ele está agradecendo pelo ato do visitante.


  Se traduzir a palavra incluindo o significado inerente, a tradução seria o seguinte.

 “Desculpa por ter dado um trabalho de pensar em comprar o presente que me agradaria e de trazê-lo até a minha casa só para me visitar, seguindo o costume japonês”.

Bah! Japonês é um povo complicado,ne?

O japonês prefere "Sumimasen" à "Arigatou" numa ocasião como essa, pois quem recebeu o presente está agradecendo pelo ato gentil do visitante deixando a sua própria felicidade de receber o presente de lado.

Enfim, “Desculpa” é sinônimo da palavra “Obrigado” no Japão. E quem não entende japonês acaba tendo impressão de que os japoneses estão pedindo desculpas demais.

  Por outro lado, normalmente os brasileiros não pedem desculpas.

  O pior é que a grande maioria dos brasileiros se justifica em vez de pedir desculpas, o que é um erro fatal no Japão em qualquer relacionamento.

  Se você for funcionário de uma empresa no Japão e se justificar em primeiro lugar antes de pedir desculpas aos clientes, essas clientes jamais procurariam seu atendimento nessa empresa.

  Levar tempão para conseguir confiança.Contudo,você perde a confiança num instante.

  Você nunca viu uma foto como mostra a seguir?


  Quando uma empresa der prejuizo para o povo, os executivos da empresa vão pedir desculpas inclinando cabeças para baixo na entrevista coletiva, com a intenção de demonstrar sua sinceridade ao povo ou clientes em geral.

  Mesmo que faça isso, não tem como trazer a pessoa morta de volta ou como corrigir os erros já cometidos no passado.Porém, pelo menos, dá para consolar os parentes das vítimas ou quem foi prejudicado pelo serviço dele.

  Seja bom, seja ruim, o japonês em geral exige muito dos outros.

  Eu já recebi uma pergunta seguinte de um leitor : No Japão, o político que se envolveu num escândalo vai ser eleito de novo?

  A resposta é Não, pois ele cometeu um erro grave uma vez e perdeu a total confiança.

  O japonês não perdoa uma pessoa assim e não vai dar-lhe a segunda chance, diferente da situação no Brasil.

  Eu acho que os brasleiros são muito mais generosos do que os japoneses.

  Apesar de não existir Harakiri mais no Japão, eu acredito que o seu espírito ainda está circulando no sangue dos japoneses ainda hoje.

  Como a sociedade japonesa cobra tanto do indivíduo, quem não consegue corresponder a essa cobrança se afasta dos relacionamentos e se torna Hikikomori, e no pior dos casos, acaba se suicidando, que eu já tratei num post.

  Que horror,ne?

  Nós devemos procurar meio termo,ne?

  ;)



Comentários
11 Comentários

11 comentários:

Mitsuo disse...

Eu como um brasileiro não gosto de pedir desculpas quando acredito que estou certo e defendo meu ponto de vista. Pedir desculpas por pedir só para amenizar a situação ou porque me preocupo com o que os outros pensam de mim seria uma falsidade. Uma mentira... se é para manter um bom relacionamento como os japoneses, seria um falso relacionamento com os outros, eu gosto de sinceridade e sei que cada um tem uma opinião diferente da minha e respeito ela e gosto também que respeitem a minha.

Eu acho errôneo afirmar no título do post que "brasileiro que não pede desculpa". E creio que justificar é uma maneira de tentar solucionar o mal entendido, pois o certo é relativo, a sua visão do que é certo nem sempre é o do outro. Tem gente que acha errado comer carne, outros não ligam.. tem gente que acredita em Jesus, outros em Buda..

O que eu não gosto do Japão é essa coisa de obediência hierárquica e machismo. Tá certo que respeitar os mais velhos é um ato honrável, mas ter que pedir desculpas por não aceitarem novas ideologias, o seu ponto de vista ou quando você corrige algum erro. Só porque devemos obedecer os mais velhos é dureza. O mesmo acontece nas empresas, quem tem cargo acima tem o rei na barriga e não adianta dar nenhuma opinião para ajudar. Na familía também, o pai é quem manda e se ele morre é o filho homem que vira o "chefe" da casa. Para se ter noção, quando casam a mãe perde o sobrenome, ficando só o sobrenome do marido.

Renato Kunz disse...

Eu costumo pedir desculpas mesmo quando estou errado, e fico muito aborrecido quando a pessoa simples mente não responde nada ou faz pouco caso, o que no geral é muito comum do brasileiro.

Mesmo eu sendo assim, ainda acho que Japones se desculpa muito e também agradece muito, inclusive eu noto mais o quanto eles agradecem. Tambem acho que o meio termo entre brasileiro e japoneses seria o ideal, os ocidentais Americanos(latinos e anglo-saxônicos ) no geral são mal educados, e os japoneses educados de mais.

Igor disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
MiriamK disse...

Como está mencionado no final do post, o ideal é o meio-termo. Infelizmente, como brasileira de quase 60 anos, já vi tempos bem melhores por aqui. A questão não é só de desculpa, mas de respeito básico pelo outro. Muito antes de pedir desculpa por dizer algo que não convém, ou que fere, há os pequenos atos de gentileza e civilidade que não têm sido observados há tempos. Sem dúvida, isso tem muito a ver com sucateamento da educação formal, baixa autoestima do grupo social (i.e., ganhar as coisas no berro, no empurrão, etc.), ignorância crescente da população como um todo.

Não se diz "com licença", não se diz "por favor", não se diz "obrigado". E isto é daqui mesmo, pois basta viajar à Europa ou até aos EUA para ver que isso é quase uma "reação", algo automático mesmo para as novas gerações, percebidas como mais informais e "contestadoras". O brasileiro que é (era) tido como gentil, alegre, hospitaleiro, ou era pelo menos, ao longo dos anos tem perdido muito da gentileza, da educação social.

O grave da história e que se levamos 20 anos para chegar até aqui, levaremos 200 para voltar a ter um comportamento minimamente civilizado. A grande massa desconsidera ou desconhece esse tipo de atitude básica. Os pais não se preocupam em ensinar isso aos filhos, a escola menos ainda. E a sociedade acostuma-se e vai levando. Uma pena!

Gabrielle disse...

Uma das coisas mais honrosas do povo japonês é ser humilde, ou seja, saber agradecer e pedir desculpas. Aqui no Brasil um pedido de desculpas não é tão visto, e geralmente quando é feito, é falso; sim, eu tenho quase uma certeza absoluta de que o povo brasileiro é o mais traiçoeiro que existe (várias pessoas que eu conheço são assim, esmagam a confiança que outra pessoa deu a eles). Não costuma agradecer nem dar bom dia para outras pessoas com quem vive,não sabe preservar a confiança das pessoas. Ao meu ver, os brasileiros são totalmente o oposto dos japoneses, pois estes se importam com a confiança das pessoas pois sabem que ela é uma das coisas mais importantes na vida, os brasileiros não.

Virou um hábito do brasileiro ser mal educado.

Gabriel Gomes disse...

No Brasil a maioria que pede desculpas são os pobres, porque os ricos acham que estão acima e fazem os outros de inferior.

Jéssica S.M disse...

Que triste se suicidarem, acho que todos deveriam ser mais compreensivos, até mesmo aqui.
O que pode ser facil para uns, pode ser dificil para outros resolverem.

Mas acho bonito a atitude de se curvar e pedir sempre desculpa. Não gosto muito de pessoas orgulhosas.
Posso dar uma sugestão? Andam dizendo que os estrangeiros tomam menos banho que os brasileiros, e os japoneses? Tomam banho todos os dias? Uma vez, ou mais de uma vez?

Liziane disse...

Eu entendo esse costume dos japoneses, e acho louvável, mas tem algo que embora compreenda, acho extremamente irritante: o hábito dos japoneses não dizerem o que pensam em alguns momentos. Ás vezes eles deixam de expor sua opinião justamente por causa deste "senso de harmonia" poara com o grupo e isso me deixa um pouco frustrada, por que eu não sei se estou sendo rude, ou se estou agindo certo, por que eles simplesmente não falam!!

押田 ~龙 disse...

O que eu gosto na língua japonesa e essa mensagem por dentro de frases curtas e simples e uma expressão uma palavra, mas que tem nela muita gratidão respeito e muito bonito isso.
Concordo com a Miriam sobre a nossa educação no Brasil se desse p dar Like em seus comentários eu daria XD.
Acho que ate ha uns e outros que são mais educados, mas as pessoas estranham quando não acham que você esta sendo irônico.

Maicon disse...

aquele agradecimento com "desculpa" significa + o - "não precisava"? por assim disser?

Anônimo disse...

verdade, pedem desculpas até demais, eu geralmente tenho medo até de falar algo que a pessoa possa ficar chateada, gostei do seu blog yuki-san :)


mika~*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Web Analytics